O estudo de âmbito nacional “Trabalho, teletrabalho e distanciamento social”, promovido pelo CoLABOR e coordenado por Tiago Santos Pereira, responsável pela linha de investigação “Trabalho, Emprego e Tecnologia”, foi um dos exemplos internacionais, a par das experiências britânicas e holandesas, apresentado no painel sobre teletrabalho do evento “Policies to reduce the gender employment gap in the Hungarian labour market”, coorganizado pela Comissão Europeia e pela OCDE (Social Policy Division).

Mais informações:

https://www.oecd.org/gender/reducing-gender-employment-gap-hungary.htm