Eduardo Paz Ferreira lançou recentemente o livro Os Anos Trump: o Mundo em Transe, que dá continuidade a uma intensa atividade editorial e cívica.

A esse propósito, Lídia Jorge escreveu: “Este livro ajuda a situarmo-nos na desordem e incita a tentar evitá-la. São páginas de leitura imprescindível.”

Professor Catedrático da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Decano do Grupo de Ciências Jurídico-Económicas. Cátedra Jean Monnet em economia comunitária. Presidente dos Institutos de Direito Económico, Financeiro e Fiscal (IDEFF) e Europeu (IE) e coordenador do Centro de Investigação CIDEEFF da Faculdade.

Membro do Conselho Geral da Universidade de Lisboa e do Conselho de Escola da Faculdade de Medicina Dentária. Foi presidente da assembleia de Representantes, do Conselho Pedagógico e do Instituto de Cooperação da FDUL.

Orientou largas dezenas de dissertações de doutoramento e mestrado e lecionou em universidades angolanas, brasileiras e moçambicanas. Tem uma vasta obra científica nas áreas das finanças públicas, do direito financeiro, do direito fiscal, do direito da concorrência e da regulação, do direito europeu, do direito internacional do desenvolvimento e dos mercados financeiros.

É presidente do Observatório da Concorrência, Fundou e é diretor da Revista de Finanças Públicas e Direito Fiscal e presidente do Conselho Científico da revista Regulação e Concorrência, igualmente por si fundada.

Foi Chefe de Gabinete do Ministro dos Negócios Estrangeiros, José Medeiros Ferreira, vogal do Conselho Superior do Ministério Público e do Instituto de Gestão do Crédito Pública e integra, há largos anos, os júris de selecção dos juízes do Tribunal de Contas. Presidiu à Associação Fiscal Portuguesa.

Preparou diversos anteprojetos de lei, especialmente nas áreas da dívida pública, fiscalidade, finanças regionais, finanças locais, sector empresarial do Estado e sector empresarial autárquico.

Sócio fundador da Eduardo Paz Ferreira e Associados, sociedade de advogados.

Foi presidente do Conselho Fiscal e da Comissão de Auditoria da Caixa.

É sócio-correspondente da Academia de Ciências (Secção de Economia).

Tem organizado dezenas de conferências sobre temas económicos e jurídicos e acompanhado, de modo especial, a crise de 2008 e os seus desenvolvimentos posteriores. As suas obras mais recentes incluem: Conferência Crise, Justiça Social e Finanças Públicas(co-organizador), Colecção Colóquios IDEFF, 2009. 25 Anos na União Europeia – 125 Reflexões, (coordenador), Almedina, 2011, Troika – Ano II (co-organizador), Edições 70, 2012, A Austeridade Cura? A Austeridade Mata (coordenador)?, AAFDL, 2013, Crónicas de Anos de Chumbo, Edições 70, 2013, Da Europa de Schuman à não Europa de Merkel, Quetzal, 2014, Encostados à Parede – Crónicas de novos anos de chumbo, Quetzal, 2015, Por uma Sociedade Decente, Marcador, 2016.